O Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciências Farmacêuticas (PPGCF) da Uniso foi idealizado como uma das metas da Política de Pós-Graduação incluídas no Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI 2004-2008), o qual foi aprovado em 16 de fevereiro de 2004, pelo Conselho Universitário (Consu) da Uniso. Neste sentido, em 28 de março de 2005, o Consu aprovou a criação do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu, na área de Farmácia.


O PPGCF-Uniso iniciou suas atividades em março de 2008 com o oferecimento do curso de mestrado. Em 2015 foi aprovado o curso de doutorado, com início de atividades em agosto de 2016 e primeira titulação em junho de 2019.


O PPGCF-Uniso buscou estrutura acadêmica que possibilitasse formação humanista, ética, crítica e reflexiva, habilitada a capacitar pesquisadores a absorver e desenvolver, com base no rigor científico, novas tecnologias para atuar em todos os níveis de atenção à saúde.


Neste sentido, o PPGCF-Uniso foi concebido de forma a fomentar a inovação tecnológica na área da saúde, bem como discutir e avaliar políticas, programas e serviços de saúde, tendo como área de concentração “Medicamentos e saúde”, contemplando duas linhas de pesquisa: “Uso racional de medicamentos” e “Avaliação de substâncias bioativas e sistemas de liberação de fármacos”.